Início Reflexões & Cotidiano Porque eu chamo alguém de “Doutor(a)”? (os 5 motivos)

Porque eu chamo alguém de “Doutor(a)”? (os 5 motivos)

165
0

Se eu lhe tratar por Doutor(a) ou outro título, é por um desses cinco motivos:

1 – Manter distância – É o motivo mais comum, quando eu me dirijo a alguém pelo pelo título, estou dizendo “quero estar distante de você e assim quero permanecer”. A pessoa com quem trato assim sabe muito bem que é por esse motivo. O contexto e o histórico diz.
2 – Homenagear – É quando encontro ex-aluno(a). Chamo de Doutor(a) com a maior alegria do mundo, uma coroação pela vitória obtida.
3 – Não sei como ele(a) quer ser chamado – Quando vejo desconhecido, não sei como este(a) gostaria de ser tratado, então, na dúvida…
4 – Aluno(a) que não sei o nome – então… nome genérico: “Doutor(a)”, e está resolvido…
5 – Reverência – Reservado a pouquíssimas pessoas. É o reconhecimento pela história de vida. O último que chamei com esse motivo foi o Dr.Daou.

Obs.: Existe ainda um sexto motivo, mas que ficou há 15 anos no passado: formalidade em audiência, quando eu advogava, ali, não importava se era um brother/que estivesse na mesa, sempre era Doutor(a) e Excelência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui