Início Site Página 2

Não nos lembramos igualmente de todos os alunos

0

Certa vez, no colégio Ida Nelson, a Professora Nazaré, nossa orientadora, nos disse em sala que não lembra igualmente de todos os alunos, uns ela lembra outros não. E na formatura de minha segunda faculdade, um dos palestrantes disse que prefere não lembrar aluno algum, até para manter a sanidade e levitude da profissão.

Porque o cinema sempre será “O Cinema”

Já antes de 2020 se dizia que as salas de cinema estavam iniciando declínio de ocupação, tanto pela popularização dos streammings quanto pelo barateamento das TVs co telas grandes. Em 2020, com a pandemia, o baque veio descarado para as salas: o medo e lockdown às mentiveram tempos fechadas.
Ocorre que, penso, sempre haverá uma magia lá – vai haver transformação nas não extinção das salas, devido a essas seis razões:

Domingo : O dia mais dúbio da semana

É dúbio porque começa absolutamente feliz e termina triste. Vejamos:
Pense em um momento de felicidade absoluta: é domingo de manhã. Se pode dormir até o horário que se queira, e se for para acordar cedo é para algum programa que nós mesmo escolhemos. Sol, som, amigos, riso. O momento perfeito onde não há obrigações e a vida parece perfeita. Por algum motivo parece ter uma duração diferente dos outros dias da semana, para maior o menor.
Findo, ao almoço.

Influência de Professor

0

Alguns professores transcendem a sala de aula, e geram influência perpétua nos alunos.

Quando Alfredo Buzaid escreveu o anteprojeto do Código de Processo Civil (que seria o CPC de 73), ele escreveu conforme o que havia aprendido com Enrico Liebman, um italiano que criou a “Teoria Eclática ou Mista”, segundo a qual o direito de ação não era concreto nem abstrado. Uma teoria “exótica”, para dizer o mínimo

Vídeo de mensagem para 2021: “Resistir!”

Esse ano, ainda com tudo de ruim que ocorreu, eu manteria uma tradição autoimposta: postaria minha mensagem de ano novo. Foi assim o nascimento dele, no fim de dezembro de de 2020:

26/12 – Criei o tema, concebi o formato. Diferente dos outros anos nem seria uma letra feliz e muito menos de otimismo irreal, falaria sobre resistir nessa época difícil;
27/12 – Montei a melodia, harmonia e escrevi a letra.

Não. Isso talvez nunca passe, para alguns

É lugar comum ouvirmos, sobre a pandemia “Isso vai passar!”.

Acredite: para quem perdeu alguém, isso nunca vai passar. Cada uma pessoa que perdeu a luta contra a Covid é a pessoa mais importanto na vida de alguém. E para esse alguém, que a perdeu, nunca passa.

Os dias, os momentos as histórias jamais serão como foram – tudo vai ser reinventado, logo, há uma vida antes e uma vida depois da perda.

O telegazeteiro

2

É o gazeteiro virtual nas aulas online.

O nome dele está lá na lista da live, do meet, do jitsi, até a foto está… mas ele(a) não está.

A presença fica garantida, afinal, é isso que importa, né?

“Abbey Road” – 50th Anniversary Edition. – (9 anos de EvangeBlog!)

0

Hoje, em pelo Dia Mundial do Blog, o EvangeBlog completa nove anos! Resolvi marcar em grande estilo: resenhando o relançamento, de 50 anos, da Obra-Mor dos Beatles (ao menos me vendas): O Abbey Road. 

É uma Obra-Prima fechada, como dava para ter sido o Álbum Branco. Dá sempre vontade de o escutarmos inteiro e não apenas em músicas soltas.

Ódio