Posted in Direito

6 motivos pelo qual nascituro já é pessoa

Algo que hoje é óbvio um dia foi absurdo; e as discussões sobre o que era absurdo fez mudar algum paradigma; depois a mudança foi…

Continue Lendo 6 motivos pelo qual nascituro já é pessoa
Posted in Direito

Os direitos da personalidade SÃO absolutos, mas NÃO SÃO absolutos. Entendeu?

Calma! É que a palavra “absoluto” possui mais de um sentido… Primeiro sentido: Um direito é absoluto quando não pode sofrer espécie alguma de limitação;…

Continue Lendo Os direitos da personalidade SÃO absolutos, mas NÃO SÃO absolutos. Entendeu?
Posted in Direito

Controvérsias do direito civil

Eu já havia me referido ao inferno do direito: sobre cahttps://marcoevangelista.blog.br/?p=4637da instituto existe uma infinidade de teses e opiniões. Pois bem, vejamos algumas do direito…

Continue Lendo Controvérsias do direito civil
Posted in Direito

O inferno do direito

Aprendemos na faculdade que, no Brasil, por viger o sistema civil law, a lei é fonte direta do direito, certo? Sonha, papito (mamita)!…O fato é…

Continue Lendo O inferno do direito
Posted in Anos 80

Restaurante Chapéu de Palha

Aquele restaurante era emblemático, havia uma chapelão de palha onde ficava a cozinha e um balcão. As mesas eram chapéus de palha; o chão era…

Continue Lendo Restaurante Chapéu de Palha
Posted in Anos 80

Balneário da Ponte da Bolívia

Era o balneário de Manaus na infância da geração 80. Frequentei  o local de 1979 (quando lembro, pode ter sido antes) até por volta de…

Continue Lendo Balneário da Ponte da Bolívia
Posted in Direito

Propaganda abusiva, o que é?

É comum o neófito confundir propaganda enganosa com propaganda abusiva. Escrevi sobre tal assunto em meu livro “Direito do Consumidor – Aprenda de uma vez!“;…

Continue Lendo Propaganda abusiva, o que é?
Posted in Direito

“Direito do Consumidor – aprenda de uma vez!”

De todos os meus livros, foi o que eu mais de diverti escrevendo! Na capa traseira (quarta capa), lê-se: “Esse é mais um livro de…

Continue Lendo “Direito do Consumidor – aprenda de uma vez!”