Início Anos 80 Mundial Importadora

Mundial Importadora

297
0

Construção antiga, no centro velho, lá ficava a Mundial Importadora. Quando eu soube dela, já existia, era o ano de 1985,
Lá comprei minha primeira guitarra, uma Gannini Stratosonic, e minha primeira caixa, uma Palmer.Lá comprei meu sintetizador DX7, alguns pedais da Boss, um mixador, e outras coisas que não lembro.
Tinha tudo, ou quase tudo.
Tudo muito, muito caro.
Atendimento era péssimo, precisávamos pedir por favor para sermos atendidos (por telefone, então..), quando tínhamos a sorte de sermos atendido, o atendente era absolutamente impessoal e de poucas palavras. Só um deles vi certa vez que sabia tocar algo, nem que fosse para demonstrar algo.
Mas valia a pena, pois o que se pensasse, tinha lá.
Me lembra aquelas lojas de música do Largo da Carioca no Rio, com um aspecto de anos 50/60, escuro, como que deslocada no tempo.
Tinha até Xilofone, vi uma harpa a uma vez, uns tambores grandes. soro, tudo. até harpa cheguei a ver exposta, de orquestra tinha tudo, bem como eletrônicos de última geração. Para quem tivesse dinheiro, era o próprio paraíso em variedade de música.
Ficava no térreo da Rádio Cidade, aliás, pelo que sei, pertencia ao(s) mesmo(s) dono(s)ç inclusive isso gerava um problema horrível para se testar caixas amplificadas, umas duas vezes em que testei (e em uma delas comprei, a Palmer), o autofalante da caixa sofria interefrência das ondas da rádio no andar superior.

Quase nenhum atendente parava lá, eu frequentava loja ao menos uma vez em cada dois meses, e nunca vi um mesmo vendedor que estivesse lá na sequência da próxima visita, sempre tinha gente nova. Ruim isso. De estável só uma senhora que ficava lá, acho que no caixa.

Foi o único local onde eu vi uma Fender Strat (não strato ou stratocaster, “Strat” mesmo, aquelas sem escudo!).
Em 1993 mudaria de nome para Remo Instrumentos Musicais, não sei o motivo, mas lembro que fui a leilão de instrumentos da Mundial, no fórum, tratava-se de uma execução judicial. Eu fui pronto a arrematar um baixo Steingerger headless, mas para minha (triste) surpresa os instrumentos foram vendidos em lotes e não individualmente,

Nunca vi o dono de lã, vi o filho e a filha dele, uma vez.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui