Início Reflexões & Cotidiano Bulimia seletiva

Bulimia seletiva

126
1

Atenção, esse post é nojento! Não leia além da linha abaixo se tiver alma fraca!

—————————————————————————————————-

Se continuou, ou é curioso ou tem alma de platina mesmo, bom.
Sempre que eu como alguma besteira eu trato logo de vomitar as porcarias.
É um tipo de bulimia, mas é “Bulimia Seletiva”.

Dofere-se da Bulimia clássica ou apenas “Bulimia” porque o bulímico vomita tudo o que come por compulsão, por preocupação com estétiva ou algum outro distúrbio, na forma extrema pode levar à anerexia e a um encontro mais rápido com seus bisavós.
A minha é chamada de “seletiva” porque só vomito se comer uma dessas coisas:
– pizza;
– sanduíche;
– batata frita; ou
– pipoca.

É a forma racinal e consciente de resolver alguns problemas ao mesmo tempo, a saber:
1) Essas porcarias são tremendamente gostosas;
2) Mas, sabemos, engordam, entopem artéria, encurtam a vida, nos deixa lento, e isso se não contiver um monte de químicos cancerígenos;
3) Mas, mesmo sabendo disso queremos, ao menos vez em quando, provar essas besteiras.

Tchuns!

E aí surge a consciência pesada por ter se autodestruído um pouco aliado às reações físicas imediatas deflagradas pela bomba calórica!
Ao banheiro, cidadão! Ao vaso! Ao dedo! À garganta!

Grrhhhrhhhhhhhhhhhh Ghrghrhrhhhhhh ghhrhrhrhrhh Ghrhr….. (foi tudo? Acho que não…) Ghrhrjrjjjhhhhhjjjjhh.hhhh…

Pronto!

É incrível! A consciência ficou leve, você acabou de tirar as porcarias de você e, o melhor: não se privou de provas nenhuma delas! Pegaaaa!!! É a própria vitória do homem sobre a tentação!
É uma sensação de vencedor indescritível! A satisfação da gula sem as consequencias dela! Yesssssss!

Aí prometemos que não voltaremos a comer essas porcarias. hum.

Meu problema não é com imagem, é que ainda não tenho filho e família, e não quero ser “pai-avô”, então, tenho que me garantir pelo menos mais 50 anos (minha meta é 60 anos) de vida útil, para ainda ver meus filhos crescerem e terem pai novão junto com eles.

Ah: vômito pós-comida não é nojento, nem tem gosto azedo muito menos é verde!

jnkfd

1 COMENTÁRIO

  1. Queria eu levar essa doença nessa tranquilidade que você leva…Graças a ela desenvolvi uma depressão moderada, afastei meus amigos de mim, não tenho mais vontade de investir no meu futuro. É horrível, não sei mais o que é comer saboreando, sentindo o sabor real do alimento. É tudo devorado em questão de poucos minutos pra logo depois vomitar tudo…Estou endividando muito a minha mãe com isso, as compras foram feitas pra durar um mês e num ataque de compulsão eu já devoro quase tudo. É horrivel, sinto vergonha de mim. Já pensei muito em me matar, porque não vejo mais esperanças. Eu odeio ter esses ataques e olhar pra minha cada horrorosa, toda inchada e pálida depois de me forćar a vomitar tudo…Queria muito me livrar disso e saber comer como uma pessoa normal. Eu me odeio por isso, e sei que estou encurtando minha vida fazendo essas coisas. Mas é o que eu quero, desejo partir logo daqui. Estou praticamente vivendo um inferno na terra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui