Esse é um post-documento, para que meus filhos leia no futuro.

Não imaginei que viveria para ver brasileiros protestando e sendo contra a copa em seu próprio território. Tal coisa seria impensável nos anos 80 ou 90.

Isso é bom e ruim. Bom pois o povo está menos imbecil, recusa o circo.

Todos nós nos sentimos enganados com promessas que ficaram só no papel, nos deixando em dúvida se faltou dinheiro, houve falha de planejamento ou foi má fé mesmo.

E tal sentimento, de ter sido enganado, independe de um brasileiro ser a favor ou contra a Copa.

Grande parte, talvez a maior, das pessoas conectadas estão descendo o sarrafo no PT. E há um senso comum (não necessariamente geral) de que, se o Brasil ganhar a Copa, o PT e Dilma saem fortalecidos, e provavelmente ganharão as eleições, nos entregando a mais um mandato de PT. Isso faz com que algumas pessoas, com a melhor das intenções, simplesmente desejem que o Brasil não ganhe esta copa.

Espero que tenha servido para desmascarar de vez um monte de políticos mentirosos, mas parece que não chegou a tanto.

Estamos todos na expectativa sobre como serão as manifestações, protestos e passeatas nesta copa, e que imagem será gerada internacionalmente do país.

Essa é a ideia reinante nesse junho de 2014.

cpmnd2014

O que ficou da abertura:

1 – Críticas à pobreza da abertura, eu achei algo realmente simples e vazio;

2 – Música oficial ruim, com playback e falta de sincronia (na transmissão) entre o que se cantava e o som escutado;

3 – Os brasileiros presentes na arena “saudando” a Presidente: “Dilma, VTC!”;

4 – Ausência de discursos (da Presidente da República e do Presidente da FIFA), contrastando com todas as outras copas anteriores.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>