Anjos (clique para ouvir)

Eu agora sei, depois que eu procurei, se existem anjos, eu não sei
Acho que não há caminhos pra cruzar, pois de tantos eu voltei

E agora eu vivo sem querer encontrar as vozes a toa, que teimam em não calar
Que nos dizem por quem vamos nos apaixonar desde que tenhamos a sorte de poder conquistar
 
 
Refrão:
A vida teima em tentar nos mostrar alguém que podemos ver mas não podemos tocar
E a vida parece dar risada de nós quando você perde quem quer
 
 
Eu agora sei, depois que eu procurei, se existem anjos, eu não sei
Acho que não há, caminhos pra cruzar, pois de tantos eu voltei
Refrão
Eu agora sei, depois que eu procurei, eu nunca amei.

Sobre:

Compus essa música 1997, enquanto esperava os caras da Nuvem9 pra ensaiar. Eu estava no estúdio, o começo da música veio e eu fui escrevendo pra não esquecer. No fim, gostei da música, mas a Nuvem9 não. Resultado: Só a ensaiai, na época, com a minha banda solo, a ME-Band. Tenho uma gravação caseira dela com essa minha banda. Essa gravação é a que está no meu CD “As cordas, eu e o nada”.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>