Hoje, Dia do Professor, me sinto homenageado.

Já escrevi aqui no blog sobre váris aspectos da profissão, como nos links abaixo:

Mas, hoje, o tema é gratidão.

Por onde vou, encontro ex-alunos que continuam a gostar de mim e que só propagam boas qualidades minhas aos quatro cantos. Isso sem já estarem na minha pagela, sem estarem sob minha caneta, ou seja: é sincero.

A cada período de faculdade aumenta o número de novos alunos que me dizem já saber muito sobre mim e já estarem cercados referências do meu trabalho – acredito que, nesses nove anos e meio de profissão, devo já ter deixado algum legado positivo.

Consegui chegar até aqui – nessa profissão onde relacionamento é tudo – sem conflitos. Vejo sucessos de ex-alunos a cada lista de aprovados em concursos e Exame da Ordem, então, estou mantendo o bom combate.

Se você já assistiu a alguma aula minha, sabe que vou ao infinito para tornar o difícil fácil – não é qualidade: sou pago para isso mesmo. E como sou tratado, seja no mundo virtual ou real, me faz pensar que consigo.

E escrevo para você os livros que eu gostaria que meus professores escrevessem para mim. As vendas também me dizem que acertei quando decidi levar minhas aulas para as livrarias.

O que mais me resta, então, além de ser grato?

Então, que fique renovado meus votos de professor com zero faltas e dedicação de corpo-alma-mente-coração, como sempre atuei.

Obrigado pelas felicitções.

foto
Só meus alunos entenderão 🙂

comments (1)

  • Jeniffer Vilaço Reply

    Embora eu concorde cm algumas imperfeições suas, você merece todas as felicitações possíveis! Parabéns Professor

comments (1)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>