Gêneros vem e vão – que “algo” contém o ROCK que o mantém tão atual, sempre mudando, mas nunca cansando.

 

PULSAÇÃO – Origindado da fusão do jazz e Bles, contém um beat tu-tu-tu-tu que não nos deixa indiferente à música. Mesmo não senod percurssiva, o compasso a mantém pusando;

ESTRUTURA – A estrutura básica Introdução-quadra-refrão-quadra-refrão-solo-refrão, até hoje, continua a segurar o interesse do ouvinte;

MELODIA – Com três, até dois acordes já se pode fazer rocls marcantes. Essa simplicidade raramente encontrada fez com que qualquer qualquer neófito de qualquer instrumento seja roqueiro, dos bons, às vezes.

ATITUDE – Esse som é “out society”, não é algo que encaixe com a sociedade. o vivência família-emprego-estudo é quebrada pela atitude rock que permite, mesmo se estando dentro da sociedade, estar fora dela.

REBELDIA – Rock evoca juventude. Os adolescentes gostam de rock para ficarem mais velhos, e os velhos gostam de rock para se manterem novos. O visual característico confirma.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>