1

Quando eu era criança, bem criança, a China era vista como um país sub-desenvolvido, quase um sub-país; talvez já não o fosse, mas era essa a imagem que dela chegava aqui.

No início dos anos 90, ela passou a ser vista como o cabeça dos “Tigres Asiáticos”.

Em 2000, o que aconteçeu? Simpelsmente a China despontou como um grande país (quando retomou Hong-Kong da Grã-Bretanha), quase hoje tomando a dianteira da economia do mundo.

2

Lá pelo fim dos 70’s e início dos 80’s, a Índia era um país de terceiro mundo típico, um resto de algo que, na história distante, fora grande – era algo mostrado como atrasado, feio, sub-humano.

Nos anos 90, fomos surpreendidos com o aviso de que a Índia tinha bomba atômica, no fim da década passada foi disseminado que era o país com a maior produção cinematográfica do mundo em número de filmes; de repente, quase que “do nada”, surge como um país rico, passando o Brasil em alguns indicadores;

3

Agora surge a Turquia.

Até dia desses, era um país maltrapilho, resto de um império que milênio passado foi grande. A imagem que tínahmos do país é o do filme “O Expresso da Meia Nite”, um negócio grosseiro, feio, sombrio.

Ora ora ora… eis que agora se ouve muito falar da Turquia, e não é por causa da novela, é por questões econômicas mesmo.

Enfim, continuamos “o país do futuro”, apenas.

Será que vamos assistir mais esse passar à nossa dianteira?

 

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>