Toda semana alguém me vem com essa – de tanto repetir, resolvi postar. Então você quer ser “O Best Seller“? Tá, é por aí:

Vontade – Aqui todos tem. Não tenho muito a escrever sobre isso. Até quem não tem nada a dizer gostaria de escrever livro.

Ideia – O que você tem a dizer interessa para alguém além de você? Pergunta chata, mas necessária.

Disposição – Você já tem a vontade e a ideia revolucionária. Agora: está pronto  para digitar tudo isso? Estou falando de trabalho honesto, não copiado ou recebido de algum “ghost writer“! – Pois é, aqui começa a parte chata: o livro não ficará pronto sozinho, você tem que digitar, letra a letra…

Copydesk – Tudo digitado, começa a transformação da informação em produto: revisão, diagramação e capa. Custa caro ter algo atraente, ou faça você mesmo de forma baratinha, mas que nem você mesmo vai gostar de olhar.

Impressão – A gráfica não quer saber se você é um gênio ou não, se vai vender muito ou pouco. Lhe dará um preço, e você ou alguém terá que pagar – Aquele sonho lá do início tá começando a sair caro, né? (esse tópico se restringe a livros em papel);

Distribuição – O livro ficou bonito, né? E agora? É… alguém precisa ir nas livrarias convencendo os livreiros a comprarem, ou ao menos quererem ter em consignação o estoque do seu livro.

Divulgação – Você escreveu o melhor livro do mundo, já está na livraria. Mas se não for divulgado, nem seus amigos mais próximos comprarão. Então, trate de ir aos meios que conseguir da forma que puder para mostrara ao mundo seu trabalho.

Administração – Depois, quem controla os contratos de venda ou consignação? Quem cobra as livrarias? Quem repassa a sua remuneração?

Ok que você pode ser contratado por uma grande editora. Como eu nunca fui, não posso lhe dar nenhuma dica quanto a isso, pergunte a algum desse meio. Existem vantagens e desvantagens entre você mesmo editar sua obra ou fazer parte do cast de uma Casa Editorial. Um dia escrevo sobre isso.

Agora você já sabe porque tão poucos escrevem.

Então, você queria “uns toques”? São esses. Desejo sucesso a você!

Ah! Detalhe: Quando escrevi esse post, a figura “Best Seller” aí em cima foi só pra ilustrar o post. Mas… uns nove meses depois, realmente virei Best Seller na Amazon, aqui está o post sobre: “Dentre os mais vendidos; lá… eu!”

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>