Já cursei uma faculdade por Ensino à Distância (EAD) (Administração, na AIEC), e estou cursando uma pós lato (Administração, Finanças e Negócios na ESAB) e mais duas faculdades EAD (Economia na Unisul e Letras na Unip).

Assim, sei BEM o que é estudar à distância, estando habilitado para explicar os vícios e virtudes desse meio de aprendizado. Então, se você aspira a estudar em uma Instituição de Ensino Superior (IES) através desta modalidade, melhor ler antes de decidir.

Esse sou eu em um dos encontros presenciais da facul EAD de Letras – ainda bem que é um encontro a cada 3 meses!

Porque SIM

– É convenientemente cômodo. Você estuda em qualquer lugar, em qualquer momento. Esse meu curso de letras da Unip tem até applets android e apple para assistir às aulas nos tablets e smartphones;

– Não prende você. Isso torna sua vida incrivelmente mais produtiva. Sou professor em quatro faculdades (jornada de quase 12 horas por dia), música, escritor, pintor e atleta. Não fosse os cursos EAD, eu estaria condenado a não cursar mais faculdade alguma, a menos que renunciasse a todas as outras atividades que requisitam tempo. Sim existem encontros presenciais. Na AIEC e Unisul é apenas nos dias de prova (uma vez a cada 2 meses). Na Unip é um por trimestre.

– Na maioria dos casos, é bem mais barato. É bem explicável: menos estrutura física e docente para ser mantida. Resultado? Valor de mensalidade menor (média de 180 a 300 reais) e, não duvido, provavelmente ainda gere até maior lucro para os proprietários das IES do que cursos presenciais;

– É tendência, não se pode lutar contra isso. O ensino presencial sempre existirá, pois NADA substitui a interação real (pode perguntar e ter a resposta na hora e ainda poder debater? melhor ao vivo, acredite!).  Mas conviverá com o ensino à distância. Assim, a menos que você queira parar de estudar, um dia fará algum curso EAD de qualquer forma. Mesmo em seu trabalho, vários treinamentos já ocorrem ou ocorrerão à distância e, em breve, talvez apenas dessa forma;

– Alguns recrutadores já percebem que, se consta no currículo do candidato a conclusão de algum curso EAD, já é um indício de que aquele prospecto é centrado e disciplinado;

– Posso afirmar com a experiência que tenho: se aprende tanto, às vezes até MAIS em EAD do que em ensino presencial, pois se lê e se busca mais conhecimento do que em ensino presencial! AFIRMO que aprendi mais cursando Administração na Aiec EAD do que em  Contabilidade na Ufam presencial; e outros alunos que tiveram essa dupla experiência afirmam o mesmo. A diferença não está no conteúdo nem na forma de transmissão, mas o aluno EAD anda mais com as próprias pernas do que o presencial.

Porque NÃO

– Exige compromisso de você.  Já que não vai haver um professor para te cobrar e te enquadrar, você será seu único motivador e seu único impositor de regras e acredite: parece fácil, mas é dificílimo, principalmente no início, porque não é apenas questão de disciplina, mas autodisciplina, o que é bem diferente… Se você vai para a faculdade, já enfrentou trânsito e está lá, então presta atenção à aula e estuda nem que seja para fazer valer o esforço de haver chegado até ali – em casa tem TV, sofá, cama e outras boas (que aqui são diabólicas) distrações; Como disse o Rodrigo (tutor da Unip Interativa, em Manaus) é o mesmo que ter a esteira em casa ou ir correr de esteira na academia. A esteira é a mesma, mas a de casa vai concorrer com outros focos de atividade, a da academia terá a vantagem de você ter ido lá para usá-la mesmo;

– Não  gera “vínculo de Turma” – Lembra aquele sentimento de irmandade que existe nas faculdades presenciais, esqueça. Em EAD os encontros são com os alunos misturados, você não sabe sequer quem cursa o que, todos fazem provas na mesma sala (as provas já vem com nome, sendo entregues sob chamada) e isso dificulta o efeito associação; fica a impressão, mesmo nos encontros presenciais, de que “é cada um por si”;

– A comodidade agirá contra você, pois é muito fácil deixar a matéria acumular, já que não existe o compromisso perante a IES de estar em determinado local e horário diariamente. Resultado? O cansaço e desânimo chegarão (sempre surgem), e você vai deixar para amanhã, para amanhã, até que chega a véspera da prova e…

– Alguns cursos EAD podem ser bem caros, mais até do que presenciais. Na Unisul, onde curso economia, já cheguei a ter mensalidades de R$ 740,00 (oito disciplinas). Ou seja, não é em todos os casos que “preço” é diferencial positivo nos cursos EAD;

– Como você pôde ver na primeira foto desse post, mesmo sendo ´EAD´, não é 100% à distância, na verdade; pois como requisito de validade e reconhecimento, o MEC exige que haja encontro presencial, nem que seja para a realização das provas;

– Ainda é alvo de preconceito. Os tradicionalistas retrógrados ainda olham às vezes de lado para o EAD, com desconfiança, achando que são um curso menor, menos sério e, pior, com efeito inferior ao presencial.

 

Não vou negar duas coisas:

1) Só curso EAD por ser a única opção frente à minha absoluta falta de tempo para cursar a facul presencial; e

2) Só estudei na AIEC e estudo na Unisul e na Unip porque nas faculs em que ministro aula não existem os cursos que frequento na modalidade EAD, senão, certamente, seria nelas que eu os cursaria.

Então é isso, meça os prós e os contras e opte.


comments (9)

  • Olá Marco! Gostei muito deste post. Estou pensando em fazer ciências contábeis em EAD. Peço uma ajuda ao senhor, como citado no texto, faz Unip e Unisul e é justamente entre estas duas faculdades que estou em dúvida. Qual o senhor me aconselharia, os prós, os contras. Agradeço desde já.

    • Marco Evangelista Reply

      Unip é mais barata, mais informal, mas o material é COMPLICADÍSSIMO!!! Tem que ir assistir uma vez por mês uma aula que é online mas tem que ir LÁ no polo presencial pra assistir. Unisul é bem mais caro, mais formal, mas é só a prova com compromisso presencial. Tenha sucesso na escolha.

      • Obrigada pela resposta Marco! Quanto a qualidade do curso, o senhor saberia qual seria melhor? E também não entendi direito o “informal e formal”, como assim?

  • Amigo, qual sua avaliação sobre o curso (qualidade do material, interface do sistema, conteúdo, professores, etc…) ead da UNISUL comparando com outras instituições? Também faço economia ead na Unisul, mas não conheço outras faculdades (ead) . O grande problema está no preço, está muito próximo dos cursos de economia presenciais.

    • Marco Evangelista Reply

      Hamilton, curso Unisul pq é a única – UNICA – facul que tem economia com aulas 100% EAD com polo em Manaus, logo sequer tenho outro parâmetro de comparação. Mas posso dizer que, o material é bom, se aprende MESMO, as provas são difíceis, mas é muito CARO, caro mesmo! – Daqui a 3 períodos eu me formo. No geral, recomendo.

  • Olá Professor! gostei do seu blog, ví uns vídeos no youtube tbm. Gostei particularmente da parte Docência, que tem umas situações muito engraçadas com os alunos né?
    Eu estou começando agora o curso de Letras na UNIP, também EAD. Eu gosto de estudar pelas provas de anos passados, porque dá para saber onde o professor gosta de cobrar. Você teria alguma coisa para compartilhar?
    Grato de qualquer forma.

    • Marco Evangelista Reply

      Não tenho nenhuma porque antes do primeiro semestre eu mudei de faculdade, continuei na UNINTER.

  • Olá Marcos!! Li que você estudou economia na Unisul, estava comparando com a Unopar e o valor é muito maior na Unisul. O curso de economia lá a distância é bom? Sabe dizer se é melhor do que a Unopar?
    Grata

    • Marco Evangelista Reply

      Unisul é caríssima!. Mas acho que valia cada centavo, ainda não completei, faltam três períodos.

comments (9)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>