Hoje é Dia do Compositor (15/1). Parabéns para nós que, através de harmonia, melodia e ritmo  expressamos e fazemos surgir emoções.

Da última vez que cataloguei, eu já tinha 94 músicas compostas, entre só minhas e em co-autoria.

Afinal, como isso surge? Cada compositor deve ter seu próprio processo criativo, eu acho. Comigo funciona assim:

1- Na maioria das vezes, do nada surge alguma melodia. Por isso vivo gravando “lá lá lás” no meu celular, depois arquivo tudo para um dia usar em algo;

2 – Por vezes, surge só letra. Algumas já vem com rimas, outras só em frases de efeito. Como vivo com o notebook a postos, já escrevo logo;

3- raramente, mas é quando fica mais legal, surgem juntos a melodia e a letra.

(Detalhe: Se não se gravar ou escrever logo, provavelmente jamais se vai lembrar daquilo de novo, é como um sonho ao acordar, é volátil e some da memória muito rápido!)

Mas tudo isso não é a música-produto ainda, são só ideias. Depois começa o trabalho braçal e técnico: encontrar as notas, elaborar o ritmo (com respiração, momentum, tensão, resolução), estruturar a letra (quadra, pré-refrão, refrão, ponte), terminar e burilar a melodia (introdução, solo, passagem, conclusão).

Muito raramente paro e digo “vou compor algo agora”. Já aconteceu quando eu tocava em bandas nos anos 90, e ainda lembro um conselho do meu grande amigo e parceiro de composição Darlan Benevides: “A gente tem que pensar em um tema e trabalhar em cima desse tema!”

Nesse link você pode ouvir uma de minhas músicas, que compus em 1997 e a gravei em 2007, chama-se “Em paz no meu canto” (clique no link ai abaixo):

Em paz no meu canto-Marco Evangelista_

Para acessar a letra e detalhes dessa música, clique nesse post.

Além do Darlan, que acabei de citar, já compuseram comigo Paulo Piedade (compusemos uma música curtinha no Ida Nelson),  Eduardo Bianco (i.m.) e Lessandro Alencar.

Por ocasião do meu casamento, compus e gravei todos os instrumentos da faixa “Anne”, o post sobre ela está AQUI.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>