Eu sempre ouvi falar de Nara Leão. A escutei pela primeira vez em 1983, ela cantava na música “o Circo”, a história “O circo cheio de lua” da coleção Taba.

Cheguei a assisti-la pela televisão, quando ela se apresentou na TV Manchete no programa do Osmar Santos, que passava sábado a noite.

Nunca me interessei mais por ela, sabia que ela era uma das precursoras da Bossa nova, e tals, só sabia isso.

No meio de outubro de 2012 voltei a assistir o DVD “Uma noite em 67”, cujo tema era o Festival da Record daquele ano..

Nos extras, havia as imagens de algumas músicas não usadas no filme. A primeira dela era “A estrada e o violeiro”, de Sidney Miller, que seria defendida por ele e por Nara Leão.

Antes da música tocar, os daquela época falavam um pouco sobre aquilo. Um dos jurados e Zuza Homem de melo elogiaram muito Nara Leão, chegaram a dizer que a música só foi classificada por tê-la como intérprete. O último a apresentar a música foi Ferreira Goulart, que também se desmanchou em elogios e um que jamais esquecerei: “A voz da Nara me lembra um pássaro, mas não um pássaro cantando, mas um pássaro voando”.

Começas as imagens do festival. Em preto e branco. Nara Leão está com um ar Jovial, acho que tinha uns 22 ou 23 anos no máximo. Cabelo ate o ombro (curtos! yesss!), preto, liso.

Ela estava com um macaquinho e tinha um jeito realmente cativante e magnético. Resultado: Virei fã dela, e já estou procurando o que tenho nos meus CDs comprados nos anos 90 o que exiswte dela, para ouvir, e o que houver aqui na rede.

Ela cantava com uma doçura desconcertante ali. Tinha uns trejeitos e uns olhares de tímida que nos faz ficar olhando pra ela. Foi muito fácil perceber porque Ronaldo Bôscoli e Cacá Dieges se vidraram nela. Sua biografia pode ser lida em seu site oficial.

O jeito dela cantar naquele festival da Record de 1967 era absolutamente hipnotizante! Duvida: Assista ao vídeo abaixo e note os detalhes:

Aquela forma própria dela e se afastar do microfone em 2:04;

Como ela segura o microfone em 2:20;

Aquele olhar fatal que ela faz em 2:32;

Como ela ladeia a cabeça em 3:26;

O jeito como ela joga a cabeça pra trás em 3:39;

Os depoimentos a que eu me referi acima, e essa apresentação dela em HD podem ser vistos aqui: http://www.youtube.com/watch?v=xMQ22YTRu10

Nara Leão nos deixou em 1997.


comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>