As diretrizes de qualquer reforma se resume a receber mais e pagar menos. Esmiuçando, é assim:

Na arrecadação:

1 – Aumentar o valor das contribuições;
2 – Fazer mais pessoas pagarem as contribuições;
3 – Criar novas contribuições além das já existentes;
4 – Cobrar contribuições pelo maior tempo que se figurar possível;

No pagamento:

1 – Pagar o mínimo de benefícios possíveis;
2 – Dos benefícios que sejam pagos, que fiquei no menor valor que se possa;
3 – Estender o máximo o tempo para início do pagamento da aposentadoria.

Desde que eu me entendo por gente que escuto falar em déficit previdenciário, e desde lá também escuto falar em escândalos e fraudes na previdência. A questão que não quer calar é: se há tão pouco recursos, COMO é possível tanto desvio de dinheiro? Por isso sempre me convenci que há algo de errado, nos resta descobrir o que.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>