Sua cafeteria, lanchonete, restaurante ou centro de convivência qualquer… tem wi-fi?
Não, amigo empreendedor, você não vende café e comida com o serviço agregado não.
Você vende experiência, não se iluda.

Dentre tudo o que o cliente guarda ao sair de um lugar, o próprio lugar está dentre as maiores lembranças (obtive esse dado quando cursei Administração).

Por vezes, a refeição ou o café é o único momento em que podemos colocar em atualização nossas atuações virtuais, ou seja, é justamente onde e quando precisamos – então, não ter tal serviço em seu estabelecimento pe perder não um mais uns dois ou três pontos para a concorrência.

Embora eu escolha pelo que eu deseje comer no dia, sempre que existe empate escolho o local que tem wi-fi. |E por vezes preciso trabalhar enquanto como mesmo, neste caso, será invariavelmente onde tiver wi-fi que estarei.

E o pior (ou, para os empreendedores, melhor) é que os usuários de wi-fi não se icomodariam nem um pouco de pagar a mais na conta para ter o acesso (eu colhi esses dados informalmente) – Sim, é ilegal revender acesso à internet, mas não é ilegal cobrar mais caro por colocar à disposição tal valor agregado à clientela – da mesma forma como se incute no valor a existência de ar condicionado, como qualquer custo fixo a ser diluído.

Penso até que a cobrança se justifique mesmo, já que cada mesa ficará ocupada por mais tempo.

Lembro que pior ainda do que não ter wi-fi é ter e não funcionar ou viver funcionando de forma instável – lembre-se que tal facilidade foi decisiva, ou no mínimo pesou, para a escolha do estabelecimento, aí… não funciona? Além disso, o atendente sempre diz que não está funcionando como se dissesse “-Hoje não lhe faremos esse favor!” já notou?

Ah, e pense em como seria um ótimo meio de inocular a marca do seu empreendimento: basta colocar como sempre  não uma palavra, mas uma frase, do tipo “Xxxxxx o melhor café de Manaus”.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>