Diferentemente de quando atingi mil inscritos, a sensação aqui não é de deslumbramento, mas de responsabilidade – não que esta estivesse ausente; mas agora fica mais evidente.

Cheguei a essa marca em menos de um terço do tempo da marca anterior, o que denota uma velocidade de crescimento também acelerada.

Começo, portanto, a ser alvo de interesse e confiança – isso pode dar uma medão; dá, não fosse eu estar acostumado com isso, já que tenho 12 anos de cátedra e falo semanalmente para algumas centenas de milhares de pessoas pela TV; assim, responsabilidade com informação é comigo mesmo.

Assistindo os primeiros vídeos, já posso ver erros de enquadramento de câmera, de foco, de edição, de atuação e de dinâmica, o que me deixa claro que o formato do “É isso!”, simplesmente, não está fechado.

Ainda essa semana os filmetes voltam a ser exibidos, e estão mais sóbrios quanto às tomadas, mas mais densos e rápido quanto ao conteúdo – não sei se ainda é o formato definitivo, mas sei BEM que é já bem melhor do que os que constam.

Eu não vou agradecer aos inscritos, tenho certeza que, se clicaram “assinar o canal”, é porque sabem bem que estão tendo algo de qualidade em troca. Então, reafirmo o compromisso em informar e entreter, sempre superando qualquer limitação que eu ache que possa ter.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>