Sintomas de alguém que idolatra o PT (o PTólatra):

  1. Ama o PT mais que sua própria família;
  2. Alega logo a origem do partido para provar que o PT é um mar de boas ideologias;
  3. Tem convicção que o PT é o salvador da pátria, e apenas está sofrendo um mar de injustiças;
  4. Confunde combate á corrupção com ódio;
  5. Imputa a condição de “golpista” ou “elite” a qualquer não-simpatizante ou crítico do PT;
  6. Não vê nada de mal em instalar cada membro do partido em uma janelinha (arejada) do Poder (e pagamento) público;
  7. Pensa que se você não apoia o PT, é porque é PSDB ou adorador do Aécio Neves;
  8. Pago para isso ou não, encontra qualquer coisa pró-PT e propaga na internet;
  9. Fica até a madrugada procurando qualquer coisa que possa ser usado para acusar oposicionistas;
  10. Tem o cérebro ideologicamente lavado, e muito raramente vê a luz (já que a lucidez foi lavada junto)

 

Os PTólatras se dividem em quatro espécies:

– Os cujos cargos ou função que exercem dependem da manutenção do PT no Poder – Se começarem a diminuir e enxugar as gordices administrativas, seus pescoços ou benefícios correm perigo;

– Os pagos diretamente para serem PTólatras – Como noticiado no dia 13 de março, algus PTólatras são pagos para serem ou se comportarem como tal; no caso da manifestação foi R$ 35,00 pelo que consta nas notícias, o que nos autoriza a pensar que existam outros pagamentos para outras conditas venais;

– Os ideológica e doentemente vermelhos – Esses são os contra elites, contra qualquer coisa que não possa gerar uma ditadura do proletariado;

– Os inteligentes com erro de percepção – São pessoas inteligentes, apenas estão com uma percepção distorcida de ralidade, mas atuam em absoluta boa-fé.

ptltraaa

Obs.: Tenho uns amigos dados à PTolatria; sei que ainda darão altas risadas do que defendem hoje.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>