Sempre que surge algo novo resultado de uma mistura, surge um “blend”;

Mas não é apenas um “resultado”: é um resultado NOVO e que não pode ser encontrado em nenhuma das parte sintegrantes originais;

Em administração se diz que o esforço resultante de uma equipe é maior do que a soma dos esforços individuais – O que chamamos lá de “sinergia” nada mais é do que uma das manifestações do “blend”;

Na gastronomia, a combinação de ingredientes formam sabores até então inexistentes, às vezes até sequer encontráveis nos ingrediantes originais;

Vejam as canções de “Lennon-McCartney” compostas quando os dois realmente trabalhavam juntos, até lá por 1966: são diferentes – e melhores – do que as músicas depois dessa época, onde começou a ficar claro que, embora tendo formalmente a autoria “L-M” eram, na verdade, composições individuais;

Escute um acorde de música, o acorde de lá menor por exemplo: o som que escutamos é diferente dos sons produzidos pelas notas do acorde (lá, dó, sol), é algo que só surge se tais notas forem acionadas simultaneamente;

Bandas de rock conseguem ter uma personalidade própria, da banda, independente e maior do que a união das características individuais dos integrantes;

A tudo o que se refere a esse resultado inexplicável, novo e maior, chamamos “blend“.

Isso explica porque os integrantes dos Trapalhões, no caso o Didi e o Dedé, nunca conseguiram, sozinhos, ter o mesmo resultado cênico que tinham juntamente com Mussum e Zacarias (aliás, a ideia de escrever esse post hoje me veio quando assisti a uma entrevista do Dedé Santana no programa da Ana Maria Braga – intercalaram com cenas dos “Trapalhões”, e fica muito claro que o Dedé da entrevista não “era” o Dedé “dos Trapalhões”) – note que em um programa dominical da década de 2000, o “A Turma do Didi”, Didi até tentou criar dois personagens para “substituírem” Mussum e Zacarias, mas como aquele blend do clássico quarteto era único… foi um fiasco.

Olhe para esta figura: o verde e o preto sozinhos não conseguem a sensação de movimento, mas quando agrupados desta maneira...
Olhe para esta figura: o verde e o preto sozinhos não conseguem a sensação de movimento, mas quando agrupados desta maneira…

Explica porque…

…muitos artistas solos, a se separarem de suas bandas, não conseguem o mesmo sucesso, ainda que contratando músicos ainda melhores que o da banda que integrava;

…membros de equipes notáveis, em grandes ou pequenas organizações, não conseguem o mesmo resultado quando são contratados por outras empresas.

.

comments (0)

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>